22 de agosto de 2016

Rezemos mais!

Em Fátima, após indicar males que poderiam vir se os homens não atendessem seus pedidos, Nossa Senhora dá uma garantia de esperança. Vejamos descrito por Dr Plinio as perspectivas últimas dessa mensagem: "Para além da tristeza e das punições supremamente prováveis, para as quais caminhamos, temos diante de nós os clarões sacrais da aurora do Reino de Maria: "Por fim o meu Imaculado Coração triunfará". É uma perspectiva grandiosa de universal vitória do Coração régio e maternal da Santíssima Virgem. É uma promessa apaziguadora, atraente e sobretudo majestosa e empolgante.
Para obviar o castigo na tênue medida em que é obviável, obter a conversão dos homens na fraca medida em que segundo a economia comum da graça ela é ainda obtenível antes do castigo, para apressar o quanto possível a aurora bendita do Reino de Maria, e para nos ajudar a caminhar no meio das hecatombes que tão gravemente nos ameaçam, o que podemos fazer? Nossa Senhora no-lo indica: o afervoramento na devoção a Ela, a oração, a penitência.



















Para estimular-nos à oração, revestindo-Se sucessivamente dos atributos próprios às invocações de Rainha do Santíssimo Rosário, de Mãe Dolorosa e de Nossa Senhora do Carmo, Ela nos indicou quanto lhe é grato ser conhecida, amada e cultuada por esta forma.

(Revista Arautos do Evangelho n°175 - Página 52)

19 de agosto de 2016

Dia dos pais

Pescaria com os pais
Neste último fim de semana foi comemorado o dia dos pais, a Missa de domingo nos Arautos foi toda especial pedindo por eles. 
No sábado, pais e filhos puderam ter uma tarde de convívio em uma chácara próxima a Cuiabá, um saboroso churrasco e uma breve devoção a São José, modelo dos pais, antecederam a desejada pescaria.













Realmente não faltam histórias para contar... os peixes não demoraram a sair, o contentamento era geral, pais ensinando os filhos, filhos ensinando os pais, enfim uma cena muito interessante, todos tirando da água peixes dos mais variados tamanhos. O vencedor, Sr. Wagner Monge, realmente surpreendeu ao pegar um de 17,4kg.


















































Mas o que atraiu acima de tudo foi ver a beleza daquele dia, a contemplação no horizonte do Sol que se punha fechou com chave de ouro tudo, era como que o Pai dos pais que do céu saudava seus filhos aqui na terra.






















18 de agosto de 2016

Arautos e Canção Nova

Por desejo do Pe Bruno da Canção Nova, os Arautos do Evangelho estiveram na Celebração da Eucaristia, auxiliando com o ministério de música, o local foi o Rincão do Meu Senhor, estiveram presentes mais de 5 mil pessoas. A benção do Santíssimo comoveu a todos.


17 de agosto de 2016

12º Congresso Internacional de Cooperadores dos Arautos do Evangelho

Congresso dos Terciários Cooperadores 

Casais que consonaram com o carisma dos Arautos também podem ser membros, são os Terciários ou Cooperadores. Mais do que por palavras, a propagação do Evangelho deve ser feita pelo exemplo de uma vida cristã em todas as atitudes diárias, em nosso lar, na família, em nosso ambiente profissional e social. Neste mundo de hoje, tão perdido e conturbado, onde a competitividade selvagem, a violência, a laxidão moral, com excessivo individualismo e o materialismo tomaram o lugar dos valores espirituais pregados por Jesus, os Terciários tem a felicidade de poderem participar de um movimento que visa resgatar esses valores, fazendo predominar a generosidade, por meio da caridade aos menos favorecidos, o respeito ao próximo, as virtudes morais, a solidariedade e - acima de tudo - o amor a Deus e a devoção a Maria Santíssima. Em suma, orientar a vida através do Evangelho de Cristo.
video

Em Julho passado foi realizado o 12º Congresso Internacional de Cooperadores dos Arautos do Evangelho, reunindo muitíssimas pessoas, todas empenhadas nesses ideais. Aconteceu em Caieiras-SP no Seminário Thabor, lá estiveram também os representantes de Cuiabá. O tema foi a última obra publicada pelo nosso Fundador Mons João Clá Dias, intitulada "O Dom de Sabedoria na mente, vida e obra de Plinio Corrêa de Oliveira". Todos ficaram estasiados por verem uma ação tão intensa do Espírito Santo na alma deste homem grandioso.